Inspirações

10 dicas para montar uma lancheira infalível

Organizar a alimentação é essencial para aumentar a atenção dos pequenos na sala de aula

Uma rotina saudável na alimentação é importante para melhorar o desempenho escolar das crianças e, além disso, para evitar obesidade, diabetes e até doenças cardíacas. Por isso, organizar a lancheira dos pequenos requer atenção especial dos pais. Para ajudar nesta atividade, reunimos dez dicas infalíveis que prometem deixar o lanche saudável e gostoso de um jeito simples.

1 - Combine três grupos alimentares na preparação do lanche. O ideal é unir proteínas como queijos, iogurtes, leite e carnes, com outro grupo composto por frutas, legumes e verduras, e um alimento que tenha carboidratos como pães, biscoitos e bolos. 

2 - Para as bebidas dos pequenos, o recomendado é intercalar entre sucos naturais, água de coco, água natural e iogurte, deixando de lado sucos artificiais e refrigerantes.

Para que os sucos naturais tenham ainda mais nutrientes, o ideal é apostar em frutas com menor velocidade de oxidação, como goiaba, acerola, abacaxi e maracujá. Outra opção é o suco de polpa, como os de uva integral, sempre em garrafas térmicas.

3 - Diversifique as frutas da lancheira. Normalmente, por costume, os pais incluem as mesmas frutas na lancheira, como maçã e na banana. Aumentando as opções, as chances de a criança não enjoar e comer mais frutas aumentam. Aposte na uva, morango, manga, melão ou melancia em potes vedados. 

4 - Iogurte é uma ótima fonte de proteína, mas é um alimento que estraga com facilidade. A dica de ouro é deixar no freezer por algumas horas e congelar. Um pouco antes da criança sair para a escola, retirar do freezer e colocar na lancheira. Até a hora do recreio, vai estar descongelado e fresco. 

5 - Bolos caseiros são ótimas fontes de carboidratos para os pequenos. Os sabores são muitos: pode ser de cenoura, chocolate, limão, coco ou laranja. O ideal é diminuir a quantidade de farinha branca. Para isso, é possível substituir parte da farinha de trigo refinada por farinha integral, aveia, farinha de arroz ou biomassa de banana verde. 

6 - Incluir frutas desidratadas, mix de castanhas e cereais no lanche. Acostumar o paladar infantil com esses itens é uma ótima dica. Seu filho pode comer como snacks saudáveis. Para conservar, o melhor é manter em saquinhos ou potes bem fechados. 
7 - Monte um sanduíche com pão integral, queijo branco, requeijão ou patês, cenoura ralada e tomates cerejas. O colorido ajuda a chamar atenção das crianças na hora da alimentação. 

8 - Potinho colorido com cenoura baby, tomate cereja, quadradinhos de beterraba cozida e queijo é uma ótima opção para habituar as crianças com estes alimentos. Uma dica é colocar um tempero que seu filho goste como uma pitada de orégano ou azeite de oliva.

9 - Leve seu filho ao mercado quando for escolher as frutas para a merenda da semana. Mostre os diferentes tipos de frutas possíveis na alimentação e incentive a curiosidade de opções que ele ainda não conhece. 

10 - Mantenha os alimentos e bebidas bem acondicionados com potes de boa vedação e garrafas térmicas de qualidade. Outra dica é envolver sanduíches, bolos e frutas em filme plástico, evitando a oxigenação dos alimentos. 

 

Fonte: Primeira Página, com informações da Tramontina

Redes Sociais