Notícias


Publicado em:
6
12/2018

OMS pede o fim da gordura trans até 2023

Proposta deve salvar 500 mil pessoas do risco de doenças cardiovasculares.



Metatags: Naturaltech, Gordura Trans, OMS, Saúde
Divulgação

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o mundo é capaz de eliminar as gorduras trans produzidas industrialmente até 2023.

A iniciativa prevê evitar 500 mil mortes por ano, já que a gordura é responsável por aumentar o risco de doenças cardíacas em 21% e as mortes em 28%. A estratégia inclui divulgar alternativas mais saudáveis e legislar contra ingredientes nocivos.

Vários países já estabeleceram as quantidades permitidas de gorduras trans em alimentos industrializados. Recentemente, a OMS emitiu suas primeiras recomendações dizendo que adultos e crianças deveriam consumir no máximo 1% de suas calorias diárias na forma de gorduras trans.

Fonte: Primeira Página com informações do site G1


Últimas notícias

Cinco dicas do Sebrae para quem quer abrir um e-commerce

Plano de negócio é o primeiro passo para os interessados.
Leia Mais

Natal deve movimentar R$ 53,5 bi na economia

Dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e do Serviço de Proteção ao Crédito apontam que mais de 110 milhões de consumidores devem ir às compras e investir, em média, R$ 116 por produto.
Leia Mais

Uso de cosméticos por meninas antecipa a puberdade

A informação é do estudo da Universidade da Califórnia, EUA. O uso frequente desses produtos afeta os hormônios do crescimento e adiantam a puberdade de meninas na faixa dos nove anos.
Leia Mais