Notícias


Publicado em:
6
12/2018

OMS pede o fim da gordura trans até 2023

Proposta deve salvar 500 mil pessoas do risco de doenças cardiovasculares.



Metatags: Naturaltech, Gordura Trans, OMS, Saúde
Divulgação

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o mundo é capaz de eliminar as gorduras trans produzidas industrialmente até 2023.

A iniciativa prevê evitar 500 mil mortes por ano, já que a gordura é responsável por aumentar o risco de doenças cardíacas em 21% e as mortes em 28%. A estratégia inclui divulgar alternativas mais saudáveis e legislar contra ingredientes nocivos.

Vários países já estabeleceram as quantidades permitidas de gorduras trans em alimentos industrializados. Recentemente, a OMS emitiu suas primeiras recomendações dizendo que adultos e crianças deveriam consumir no máximo 1% de suas calorias diárias na forma de gorduras trans.

Fonte: Primeira Página com informações do site G1


Últimas notícias

Fraudes no e-commerce brasileiro caíram 27,3% em 2018

Konduto analisou 120 milhões de transações que aconteceram entre 1 de janeiro e 31 de dezembro do ano passado.
Leia Mais

Encontro do setor de Feiras e Eventos promove Transformação no setor

ESFE reúne as principais marcas do setor M.I.C.E do Brasil no Jockey Club São Paulo. Francal Feiras é uma das apoiadoras do evento.
Leia Mais

7 benefícios do chá verde

Bebida milenar pode ser uma aliada quando consumida da forma adequada. A nutricionista Aline Quissak enumera alguns dados que a maioria da população ainda não conhece.
Leia Mais