Notícias


Publicado em:
25
9/2018

Francal Feiras lança campanha para engajar expositores em ações de sustentabilidade

Selo Viva Verde convida empresas a gerarem o mínimo possível de resíduos durante as feiras.



Metatags: Selo Viva Verde, Gestão Ambiental, Sustentabilidade, Engajamento, Meio Ambiente, Natureza, Resíduos Sólidos, Reciclagem

Pioneira na implantação de coleta e reciclagem de resíduos sólidos no setor de feiras de negócios, a Francal Feiras dá mais um importante passo no sentido de tornar seus eventos 100% sustentáveis. A promotora acaba de lançar a campanha Selo Viva Verde, uma iniciativa para engajar as empresas expositoras neste desafio.

Há 17 anos, a Francal Feiras criou o Francal Cidadania, departamento voltado ao desenvolvimento e implementação de projetos de Responsabilidade Social e Ambiental, como criação de brinquedotecas, doação de material escolar e calçados, apoio e patrocínio a entidades assistenciais e um programa de gestão ambiental.

Este último consiste não só no gerenciamento dos resíduos sólidos gerados na montagem, realização e desmontagem de seus eventos – que inclui a coleta seletiva, triagem, reciclagem e destinação –, mas também na educação ambiental de expositores e visitantes por meio de comunicados e cartazes fixados nos pavilhões e de um trabalho de orientação feito por fiscais, bombeiros e equipes de limpeza.

Graças ao programa de Gestão Ambiental, 35 milhões de toneladas de resíduos gerados nas feiras da promotora deste ano (mais de 60% do total) tiveram destinação ambientalmente correta e ainda contribuíram para a inclusão social das famílias que trabalham nas cooperativas responsáveis pelo processo de triagem e reciclagem.

Selo Viva Verde
O Selo Viva Verde representa mais um passo dentro do programa de Gestão Ambiental da Francal Feiras. A campanha visa a engajar os expositores das feiras a gerarem o mínimo possível de lixo e resíduos em seus estandes e a criarem mecanismos que facilitem sua coleta e reciclagem por parte da organização.

O start da campanha se deu no mês de setembro, durante o lançamento comercial da edição 2019 da BIO BRAZIL FAIR | BIOFACH America Latina e NATURALTECH. As feiras foram escolhidas como piloto em função da afinidade de seus expositores, produtos (orgânicos, saudáveis e naturais) e visitantes com questões ambientais e sustentabilidade.

Os mais de 400 empresários que estiveram no lançamento receberam uma cartilha – disponível também nos sites das duas feiras – em que constam dicas para contribuírem com a realização de eventos mais sustentáveis.

As dicas envolvem distribuição de brindes e sacolas ecológicos, o reaproveitamento dos utensílios (copos, pratos, talheres) utilizados no estande ou na degustação dos produtos para visitantes, uso de embalagens e material de divulgação recicláveis, instalação de lixeiras de coleta seletiva, entre outros. Os sites das feiras trazem ainda uma relação de empresas que fornecem esse tipo de material.

Os expositores que se adequarem às boas práticas sustentáveis ganham o direito de estampar o Selo Viva Verde em seus estandes, redes sociais, canais digitais e demais materiais promocionais.

Fonte: Primeira Página


Últimas notícias

Cinco dicas do Sebrae para quem quer abrir um e-commerce

Plano de negócio é o primeiro passo para os interessados.
Leia Mais

Natal deve movimentar R$ 53,5 bi na economia

Dados da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas e do Serviço de Proteção ao Crédito apontam que mais de 110 milhões de consumidores devem ir às compras e investir, em média, R$ 116 por produto.
Leia Mais

Uso de cosméticos por meninas antecipa a puberdade

A informação é do estudo da Universidade da Califórnia, EUA. O uso frequente desses produtos afeta os hormônios do crescimento e adiantam a puberdade de meninas na faixa dos nove anos.
Leia Mais